Dentro do Ônibus, perto da Minha Sogra

Estávamos a caminho da praia, num desses bate e volta de feriadão… estávamos indo eu, minha namorada e a mãe dela. Que não largava do nosso pé, porém ela era gente boa… Minha namorada tem 18 anos e eu 19, deve ser por esse motivo que eles marcam em cima, mais essa era nossa oportunidade pois minha sogra tomou um calmante, pois morre de medo de viajar a noite e apagou logo que começou a viagem.

E nós sempre que podíamos tiramos uns sarrinhos, e nada mais. Estávamos sentados nos últimos bancos, e quando o motorista apagou as luzes já começamos a se pegar…tínhamos combinado de vestir roupas largas para facilitar as coisas.

Eu estava sem cueca com esses shorts de jogador que deixa tudo bem a vontade, e ela uma mini blusa bem soltinha e um short soltinho nas pernas. Como não sou bobo emprestei meu fone de ouvido pra minha sogra relaxar, e tbm não ouvir nada, ela então deitou na poltrona em que estava sozinha, e dormiu rapidamente. Logo então comecei uma sacanagem com minha gata, fui logo beijando no pescoço e falando algumas sacanagens no seu ouvido deixando ela bem excitada e levantei sua blusa e pude chupar bem gostosinho seus peitinhos durinhos e apertava o outro brincando como a ponta dos dedos deixando eles arrepiados de tesão.

Sua mão procurava meu pau que já estava duro e pulando dentro do short. Desceu sua cabeça e abocanhou meu pau todo até a garganta, ela era muito fogosa e fazia isso muito bem. Eu gemia abafado pois não podíamos fazer barulho… Eu basicamente mordi meu braço pra aguentar aquelas chupadas. Eu não queria é nem podia gozar naquele momento, tirei meu pau da sua boca e comecei a lamber e chupar sua xoxota que lambuzada de tesão escorria até seu cuzinho onde meus dedos brincava de entrar e sair bem de leve, e ao mesmo tempo eu a beijava pra que ela não gritasse ou expressasse qualquer barulho… senti que ela gozou na minha mão pois mordeu minha boca e respirou profundamente.

Sua mãe estava num sono profundo. Isso significava que podíamos continuar…eu queria muito gozar dentro daquela bucetinha linda, então ela sentou no meu colo e com o balançar do ônibus meu pau entrou gostoso até o fundo, e ficamos paradinhos só curtindo aquele movimento do ônibus. Depois ela virou de ladinho e coloquei na sua buceta toda molhadinha de tesão e metia gostoso, fazendo a putinha gemer de prazer. Logo ela pediu para sentar na minha pica, pois queria gozar, então deixei ela fazer o trabalho dela.

Comecei a dar pequenas bombadas e ela reboladas, seu grelinho roçava gostoso nós pelinhos do meu pau fazendo ainda mais tesão, e minha gata gozou muito daquele jeito e dessa vez eu não ia segurar e enchi sua buceta de porra, foi maravilhoso. Eu queria muito seu cuzinho mais ali séria perigoso de mais, porque ela nunca tinha feito anal e poderia gritar alto e acordar sua mãe.

Outros contos...

Comentários (0)

Somente assinantes podem deixar comentários!

Assine ou faça login para poder comentar.
21
Atrações
149
HQs
586
Vídeos
5099
Fotos
155
Atrizes
...