Pertinho do perigo

Todo mundo estava lá, no andar de baixo, conversando sobre a viagem e perguntando se tudo estava bem, enquanto eu e minha prima, que já conversávamos há um tempinho por mensagens de aplicativo de celular, inclusive fazendo sexo virtual, caminhávamos pelo corredor do segundo andar, trocando olhares safados e lascivos. Aquela linda morena de cabelo liso até os ombros e perfumada sorria e me olhava com tesão, enquanto eu apreciava seu rebolar. Usando uma minissaia bem coladinha e curta toda colorida, que subia a cada passo que ela dava, mais e mais meu pau latejava dentro da minha cueca. Sem esquecer que ela usava um tamanco de salto, o que deixava seu bumbum redondinho ainda mais empinado. A desculpa que demos para a nossa família é que ela me mostraria o banheiro, mas de longe eu sentia o quanto ela estava a fim de uma boa rapidinha perigosa. Paramos diante de uma porta aberta e enquanto eu passava minha mão nos cabelos dela, sentindo sua nuca, deslizei a palma da minha mão pelas costas dela, pela cintura e finalmente comecei a passar a mão naquelas nádegas durinhas. “É aqui o banheiro.”, ela disse enquanto eu subia sua minissaia e descobria que ela estava sem calcinha e sua xaninha quente e úmida. “Entra, sua vagabunda!”, eu sussurrei no ouvido dela, a xingando com a mesma entonação que eu mandava áudios pelo celular e logo senti as pernas dela tremerem, como me relatava nas mensagens. “Mas, nossos pais estão lá embaixo!”, disse minha prima, fingindo receio. Foi aí que eu a peguei pelo braço e a empurrei para dentro do banheiro, fechando a porta com todo o cuidado e virando a chave. Minha prima já estava com as mãos na pia, me olhando pelo reflexo do espelho, mordendo os lábios, com um pouco das mechas na frente do rosto. “Empina essa bunda, sua puta!”, sussurrei no ouvido da minha prima, dando uma bela de uma encoxada por trás, a deixando ainda mais com as pernas moles. Deslizei minha mão por aquelas coxas lisinhas e firmes, dei-lhe um tapa forte na bunda, que deve ter provocado um eco, mas que tão logo deixou aquela uma das nádegas vermelhinhas. Continuei a passar a mão por todo o corpo daquela morena que tem um metro e setenta e pouco de altura, no estilo “falsa-magra”. Baixei o zíper da minha calça e coloquei meu cacete duro entre as pernas dela, roçando sua xaninha com direito a cabeça da minha rola tocar seu clitóris. Tapei a boca da minha prima e direcionei meu membro para a entrada de sua vagina, penetrando-a com tudo. Fora até fácil de meter, porque ela estava molhadinha, mas notei que ela tinha me dito a verdade em relação ao tempo que ela não transava, pois aquele delicioso buraquinho estava realmente “fechadinho “e apertado. Nós dois sentimos um leve incômodo, mas o tesão falou mais alto. Meu membro duro e latejante entrou de uma vez só e ainda bem que eu tapei a boca da minha prima, pois ela soltou um longo gemido de dor, para depois começar a gemer de prazer. Logo ela estava lambendo a palma da minha mão, enquanto eu apertava os peitinhos dela, sentindo seus seus bicos endurecidos. Metia cada vez mais rápido, com meu corpo colado ao dela, sussurrando palavrões em sua orelha ou lambendo seu pescoço. Quando eu avisei que gozaria, não consegui parar de meter, afinal, estava sem camisinha e o gozo foi jorrando gostoso, misturando com o da minha prima, que vi pelo reflexo do espelho, revirar seus olhos e babar na minha mão de boca aberta, ainda gemendo. Ao retirar a minha pica melada de dentro da minha prima, eis que ela caía lentamente ao chão, com suas pernas trêmulas e eu puxava o papel higiênico para me limpar. Lavei meu rosto, sequei meu suor e ao trocar olhares com a minha prima, que sorria de orelha a orelha, falei: “Será o final de semana mais prazeroso da nossa vida.”, e saí do banheiro, andando satisfeito pelo corredor. Desci as escadas e disse que a minha prima estava usando o banheiro naquele momento, já imaginando o que eu faria com ela quando todo mundo estivesse dormindo.

Outros contos...

Comentários (1)

gilalvesgomes em 12/01/2021

Rápidinha e prazeiroza para os dois…

Somente assinantes podem deixar comentários!

Assine ou faça login para poder comentar.
21
Atrações
149
HQs
599
Vídeos
5085
Fotos
153
Atrizes
...